Postagem em destaque

Slow Motion Bossa Nova - Celso Fonseca & Ronaldo Bastos

Encante-se ...!

sábado, 1 de agosto de 2015

Renato Duque dá sinal de que pode escolher contar a verdade sobre o PT / blog do Josias

Renato Duque ameaça tirar o PT de sua ficção
http://josiasdesouza.blogosfera.uol.com.br/2015/08/01/renato-duque-ameaca-tirar-o-pt-de-sua-ficcao/
Josias de Souza
Logo que explodiu a Lava Jato, o PT criou para si um Brasil alternativo. Um país fictício em que nada acontecera. Escaldados com o fracasso do discurso de que o mensalão não passara de caixa dois, dirigentes do partido e Lula propuseram e aceitaram a tese de que as propinas do petrolão eram doações legais, que o partido não tinha nada a explicar e que o assunto estava encerrado. Renato Duque, ex-diretor de Serviços da Petrobras, ameaça implodir essa ficção.
Caciques do PT e auxiliares petistas de Dilma Rousseff vivem a síndrome do que está por vir se o juiz da Lava Jato, Sérgio Moro, homologar o acordo de delação premiada que Duque alinhavou, ponto por ponto, com procuradores. O que mais inquieta o petismo é a sensação de que Duque, um delator tardio, terá de se aprofundar nas podridões para se credenciar às recompensas judiciais. A essa altura, com mais de duas dezenas de delatores, os investigadores já podem se dar ao privilégio de dispensar confissões rasas —dessas que uma formiga atravessa com água pelas canelas.
Desde que foi levado ao microondas pelo ex-diretor de Abastecimento Paulo Robeto Costa, como o homem dos “3% para o PT”, Renato Duque fazia o tipo durão. Foi amolecido pelo sítio das delações alheias e pela prisão longeva —foi em cana no dia 14 de novembro de 2014. Encanta-se com a possibilidade de ganhar uma tornozeleira eletrônica e migrar de um xilindró de oito meses e meio para uma prisão domiciliar. Para que isso ocorra, Duque terá de arrancar o PT da fantasia do dinheiro sujo lavado na Justiça Eleitoral.
Renato Duque empregou-se na Petrobras como engenheiro, em 1978. Virou diretor em 2003, no alvorecer da Era Lula. Os 25 nos de casa não lhe bastaram. Para subir do escalão gerencial para a diretoria, precisou do velho e bom apadrinhamento político. Bancou-o José Dirceu, nessa época o todo-poderoso chefe da Casa Civil de Lula.
Quem cuidou dos detalhes foi Silvio Pereira, então secretário-geral do PT. O mesmo Silvinho que, em 2004, ganharia de um fornecedor da Petrobras uma Land Rover. Pilhado em 2005 na direção do carro-propina, o companheiro virou réu no processo do mensalão. Num acordo com o Ministério Público, trocou o risco de condenação por mais de 700 horas de serviços comunitários. Se Lula e o PT tivessem acordado nessa época, tomando outro rumo, Renato Duque não lhes tiraria o sono agora.

Senador Delcídio Amaral tem suas férias atrapalhadas por protestos na Espanha / Bruno Astuto / Época


SENADOR PETISTA DELCÍDIO AMARAL É ALVO DE PROTESTOS DE BRASILEIROS IRADOS NA GLAMOUROSA IBIZA NA ESPANHA

a
 ALMOÇO INDIGESTO: O senador petista Delcídio Amaral em restaurante grã-fino em Ibiza, na Espanha, foi alvo de protestos de brasileiros.
Da coluna de Bruno Astuto, do site da revista Época:
As férias do senador petista Delcídio do Amaral em Ibiza, Espanha,  realmente não estão nada fáceis. Depois de ter se envolvido num barraco na boate Pacha e chamado de 'ladrão' por brasileiros que estavam no local, no último dia 28, desta vez ele também não teve sossego durante o almoço com a família no restaurante Juan Y Andrea, nesta sexta-feira (31), na ilha de Formentera, nos arredores de Ibiza, onde só se chega de barco ou lancha, e um grupo de brasileiros começou a tirar foto do político. O local é o preferido dos milionários em Ibiza.

"A coisa está preta" ... / blog de Aluizio Amorim

sábado, agosto 01, 2015


EDUARDO CUNHA PARTE PRA CIMA DE CATTA PRETA. ANUNCIA QUE IRÁ INTERPELAR JUDICIALMENTE A ADVOGADA DOS PETROLÕES.

O presidente da Câmara, deputado Eduardo Cunha e a advogada Catta Preta: tensão de alta voltagem.
O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) anunciou neste sábado por meio de sua conta no Twitter que vai acionar a Procuradoria Parlamentar da Câmara para interpelar judicialmente, e "independentemente da CPI", a advogada Beatriz Catta Preta. Na quinta-feira, em entrevista ao Jornal Nacional, Catta Preta, responsável por nove acordos de delação premiada na operação Lava Jato, acusou "integrantes da CPI" da Petrobras de ameaçá-la. A advogada afirmou que, diante de "tudo isso que está acontecendo" e "para preservar a segurança" de sua família, decidiu abandonar a advocacia.
"A acusação atinge a CPI como um todo e a Câmara como um todo, devendo ela esclarecer ou ser responsabilizada por isso", escreveu o deputado. "Determinarei a Procuradoria Parlamentar da Câmara que ingresse com a interpelação judicial semana que vem, independente da CPI. A mesa diretora da Câmara tem a obrigação de interpelá-la judicialmente para que diga quais ameaças sofreu e de quem sofreu as ameaças", completou Cunha em sua conta na rede social.
Esta é a primeira vez que Cunha se manifesta sobre as declarações da advogada. Nesta sexta-feira, o presidente da CPI da Petrobras, Hugo Motta (PMDB-PB), criticou as acusações de Catta Preta, que foi convocada a falar à comissão e depois desobrigada pelo Supremo Tribunal Federal. "A CPI não ameaça ninguém. A CPI investiga. O que é mais estranho é uma advogada criminalista que tem prestado serviços no país há muito tempo alegar de uma hora para outra que está sendo ameaçada sem trazer nenhuma pessoa que a ameaçou, sem trazer nenhum fato concreto", disse o deputado.
Entre os ex-clientes da advogada, está o lobista Julio Camargo, da Toyo Setal, que, em sua delação, citou o presidente da Câmara como destinatário de 5 milhões de dólares do propinoduto que sangrou a Petrobras. Na entrevista ao Jornal Nacional, Catta Preta não citou nomes de políticos, mas afirmou que a pressão aumentou depois que o delator envolveu Cunha no esquema.
Pauta-bomba - Na rede social, Eduardo Cunha também rebateu as afirmações do governo de que ele esteja preparando a aprovação de um conjunto de medidas que aumentam os gastos da União, Estados e Municípios, a chamada "pauta-bomba", na volta do recesso parlamentar. "A tentativa de colocar nas minhas costas uma chamada pauta bomba para prejudicar as contas públicas não tem o menor sentido. Tenho absoluta consciência do momento de crise econômica e sempre me pautei por posições contrárias ao aumento dos gastos públicos", escreveu o deputado no Twitter.
Cunha também ressaltou que a "paralisia da economia" não é culpa do Congresso e criticou o governo federal, frisando que não houve corte de gastos, mas apenas redução dos investimentos. Segundo ele, o governo poderia ter reduzido o número de ministérios e cargos de confiança. "Mesmo que para a economia isso não fosse tao significativo, o exemplo seria um importante sinal para a sociedade", disse o presidente da Câmara.Do site da revista Veja

"Eu não vou cair..."

http://epoca.globo.com/colunas-e-blogs/guilherme-fiuza/noticia/2015/07/so-grecia-salva-dilma.html

Só a Grécia salva Dilma

Austeridade é o palavrão da moda. A Grécia deve € 26 milhões à Espanha, e a culpa é dos espanhóis


GUILHERME FIUZA
19/07/2015 - 10h01 - Atualizado 19/07/2015 10h01

Do alto de seus 9% de aprovação, Dilma Rousseff abriu as janelas do palácio e bradou ao povo: “Eu não vou cair”. A presidente afirmou que a Operação Lava Jato nunca vai provar que ela roubou. E que “todo mundo neste país sabe” que ela não roubou. É um pouco constrangedor quando a argumentação chega a esse ponto. Lembra aquele político de Brasília que, apanhado fraudando o painel de votação do Senado, reagiu: “Eu não matei! Eu não roubei!”. Acabou preso.

Se Dilma chega ao ponto de declarar que não é ladra, o brejo está mesmo se aproximando da vaca. Até aqui, a presidente tem contado com a formidável blindagem do STF, coalhado de companheiros que chegaram lá graças a décadas de bajulação ao PT. A dobradinha com o procurador-geral da República, de fazer inveja à dupla Messi-Neymar, impediu até agora que Dilma fosse sequer investigada. E, se não for investigada, realmente jamais será provado que ela roubou.

Vamos economizar trabalho aos investigadores: Dilma não roubou. É apenas a representante legal de um grupo político que depenou o país. Que, entre outras façanhas, estuprou a maior empresa nacional – naquele que foi possivelmente o maior roubo da história, chegando pelas últimas estimativas à casa dos R$ 20 bilhões. Com um currículo desses, que inclui o assalto cinematográfico do mensalão, muitos petistas não se sentem ladrões. E estão sendo sinceros. Eles acham que expropriar recursos do Estado em benefício do partido governante é uma espécie de mal necessário – um meio não muito nobre que justifica o mais nobre dos fins: manter a esquerda no poder, em nome do povo.

Ninguém jamais localizará essa procuração dada pelo povo aos iluminados do PT, autorizando-os a sugar a economia popular para montar uma casta governante com estrelinha no peito e figurino revolucionário. Há quem diga que o falsário mais perigoso é o que acredita na própria falsidade. A impostura involuntária é contagiosa. Basta ver quantas personalidades respeitáveis mantêm o apoio ao governo delinquente, de peito estufado e latejante orgulho cidadão. Um país está em maus lençóis quando perde a capacidade de distinguir os inocentes úteis dos parasitas convictos.

A crise na Grécia veio mostrar que a demagogia do oprimido está longe de ser desmascarada. Na apoteose da mistificação populista, boa parte do mundo culto resolveu se convencer de que os gregos são vítimas da austeridade – o palavrão da moda. Como disse Mario Vargas Llosa: a Grécia deve € 26 milhões à Espanha, e a culpa é dos espanhóis. A receita é genial: você gasta mais do que tem, pede emprestado para cobrir o rombo, faz um plebiscito para oficializar o calote e, quando lhe cobram a dívida, você alega desrespeito à soberania.

E eis a bancada do PT querendo enquadrar a Polícia Federal. A Lava Jato é realmente um flagrante desrespeito da soberania petista, ferindo seu direito de ir e vir entre os cofres públicos e o caixa do partido. A PF tem de se submeter a quem tem voto, argumentou um deputado do PT. É uma espécie de tráfico de democracia – o criminoso com voto vira vítima.

E aí, embebido da inocência aguda que o eleitor lhe concedeu, o Partido dos Trabalhadores decide atacar a política de juros altos praticada pelo governo do Partido dos Trabalhadores. Basta de austeridade, vociferam os mandatários oprimidos. Tudo sob as bênçãos de Caloteus, o deus grego do almoço grátis. A sobremesa de demagogia caramelada é por fora – tratar com o tesoureiro.

O problema é que o tesoureiro está preso. Entre outras acusações, responde pela suspeita de roubar a Petrobras para financiar a eleição da presidente – que jura não ter roubado um tostão. Mandato roubado não tem problema. O PT montou uma casta de nababos, nadando em verbas piratas, propinas oficiais, altos cargos e altíssimos subsídios partidários, mas ninguém roubou um tostão. É tudo dinheiro da revolução – a tal procuração popular para essa gente sofrida desfalcar o contribuinte e padecer no paraíso.

O site Sensacionalista revelou por que Dilma disse que não vai cair: “As pedaladas foram dadas com rodinhas”. E acrescentou que ela não sabia quem estava pedalando sua bicicleta. É isso aí. O jeito é continuar falando grego, língua oficial dos caloteiros do bem. 
 

sexta-feira, 31 de julho de 2015

Monet foi estimulado por esses jardins ... Hierophant

http://www.hierophant.com.br/arcano/posts/view/Nina/1727



Giverny - jardins que inspiraram Claude Monet


Em 1883, Monet mudou-se para Giverny,localizado a 80 km a oeste de Paris França,a 4 km da cidade de Vernon. Em sua propriedade em Giverny, Monet tinha um jardim magnífico e as árvores frutíferas, onde em flor, que oferece vistas encantadoras que atraiu os olhos da pintura, neste mesmo jardim havia um lago e uma pequena ponte japonesa que inspirou a série de nenúfares.Estas obras quando foram expostas fizeram grande sucesso. Era o reconhecimento tardio de um gênio da pintura.Giverny não mudou muito ao longo das décadas e aqui ficam algumas fotos:

Imagens da erupção do vulcão Fournaise em ilha do Oceano ìndico

http://www.stumbleupon.com/su/2yvq8l/:1Qbi0$QM6:jq3W+17S/g1.globo.com

Erupção cria 'rios' de lava e queima a vegetação na encosta do vulcão Fournaise, na ilha francesa de La Reunion, no Oceano Índico. A erupção começou por volta de 10h da manhã desta sexta-feira (31), segundo informou a prefeitura local em um comunicado

Windows 10 por 30...reais / Techmundo

Dica suprema: como conseguir o Windows 10 original por apenas R$ 30 http://www.tecmundo.com.br/windows-10/84035-dica-suprema-conseguir-windows-10-original-r-30.htm


Dica suprema: como conseguir o Windows 10 original por apenas R$ 30

356COMENTÁRIOS
 191.904
Visualizações


A chegada do Windows 10 foi um acontecimento histórico para aMicrosoft. O lançamento que quase "quebrou a internet" foi acompanhado de muitas notícias boas, além do nosso artigo especial sobre o sistema operacional. Mas nem todos devem estar comemorando, principalmente aqueles que usam o Windows ativado de forma "alternativa".
Apesar de alguns donos de Windows piratas terem conseguido a versão genuína do novo software depois da atualização, a maioria dos usuários vai ter que comprar o Windows 10 – que não é exatamente barato – se quiser desfrutar das novidades. Porém, estamos aqui para apresentar uma dica suprema para quem está "chupando o dedo".
Windows 10.

Windows 10 original por apenas R$ 30?

O segredo dessa dica é comprar um sistema operacional elegível pelo preço mencionado. Antes que você pergunte onde encontrar isso, nós apresentamos a resposta: na própria internet. Na época em que a Microsoft lançou o Windows 8, uma promoção disponibilizava o software porapenas R$ 29. Durante o período de oferta, várias pessoas também aproveitaram para esvaziar as carteiras e encher os bolsos com chaves genuínas de um sistema operacional que hoje é elegível para o Windows 10.
Promoção da Microsoft que oferecia o Windows 8 Pro por apenas R$ 29.
Um lugar em que encontramos com facilidade o Windows 8/8.1 sendo comercializado é o site de leilões Mercado Livre. Lá, até mesmo edições que acompanham nota fiscal eletrônica são disponibilizadas. Mas vale ressaltar que muitos outros sites também podem oferecer isso e você deve exigir para saber de fato a origem destas chaves, pois ao mesmo tempo que a pessoa pode revender a chave original de 30 reais, também existe muito malandro que roubou chaves de companhias e as revendeu lá. Exija nota fiscal.
Oferta do Windows 8/8.1 Pro no Mercado Livre por apenas R$ 29,99.
A partir da compra, recebimento das chaves de ativação e instalação da versão original do Windows, o consumidor já está apto a fazer o upgrade para o Windows 10. 
FONTE(S)
IMAGENS