sábado, 23 de janeiro de 2016

Engenharia parece que concorre com Religião... e quer alcançar o céu // Veja



ECONOMIA

Mundo jamais construiu tantos arranha-céus como em 2015

China liderou ranking, com 62 edifícios concluídos recentemente; lista chinesa inclui um edifício de 632 metros de altura, o segundo mais alto do planeta

22/01/2016 às 16:57 - Atualizado em 22/01/2016 às 17:18
Compartilhe no FacebookCompartilhe no TwitterCompartilhe no Google+Enviar por e-mail
Shanghai Tower foi o maior arranha-céu construído em 2015, com 632 metros e 128 andares(Aly Song/Reuters)

O ser humano simplesmente não consegue parar de colonizar os céus. Um novo estudo do Skyscraper Center, portal que administra uma base de dados sobre grandes edifícios, mostra que 2015 foi o ano em que mais arranha-céus foram erguidos no mundo.

A China liderou o ranking dos maiores construtores, com 62 edifícios concluídos recentemente. Com a medalha de prata ficou a Indonésia, com nove arranha-céus entregues. A cidade de Jacarta foi que mais teve arranha-céus construídos no ano passado, incluindo o Centro de Sudirman Sahid, edifício de escritórios de 258 metros de altura.

Dos mais novos prédios construídos, o maior é o Shanghai Tower, concluído no final do ano passado. Com 632 metros e 128 andares, o edifício é agora o segundo mais alto do mundo. O líder continua sendo o Dubai Burj Khalifa, inaugurado em 2010, com 828 metros de altura. O segundo mais alto em 2015 foi o 432 Park Avenue, em Nova York, o edifício residencial mais alto do hemisfério ocidental, com 425,5 metros.






De acordo com o Conselho de Arranha-céus e Habitat Urbano de Chicago, 2015 bateu um recorde de construção de edifícios de mais de 200 metros de altura: foram 106 novos edifícios concluídos. E para este ano são esperados mais.

LEIA TAMBÉM:

No Texas, tombo do petróleo esvazia cidades produtoras

Um galão de leite vale dois de petróleo