sexta-feira, 1 de janeiro de 2016

Súmula da coluna de Augusto Nunes em 31/12/2015

31/12/2015
 às 17:57 \ Direto ao Ponto

Um grande 2016, amigos

Um grande 2016 para todos nós. Vamos fazer neste ano o que ficou faltando em 2015. Abração, amigos. (AN)
31/12/2015
 às 17:55 \ Opinião

Reynaldo Rocha:  Vem aí o ano da Lava Jato

REYNALDO ROCHA
Não se trata de premonição nem de desejo: 2016 será o ano da Lava Jato. Pelos prazos processuais, investigações em curso e a atuação de Moro, que não se enquadra no figurino do procrastinador, essa operação mãos limpas “tupiniquim” ditará o rumo do Brasil.
31/12/2015
 às 17:51 \ Opinião

Oliver: Os intocáveis

VLADY OLIVER
Feliz 2015. Não. Eu não me enganei de ano, não. Refiro-me mesmo a este ano, desastre anunciado que ainda não acabou em nosso lombo combalido e com batatas. No apagar das luzes é que vemos que, por aqui, todos os gatos são pardos.» Clique para continuar lendo
31/12/2015
 às 15:44 \ Opinião

Carlos Alberto Sardenberg: Cadê a Constituição?

Publicado no Globo
Pela Constituição, todo brasileiro tem o sagrado direito de ser atendido de graça nos hospitais, ambulatórios e emergências do SUS, Sistema Único de Saúde, quaisquer que sejam: sua doença, crônica ou aguda, simples ou grave; sua idade; sua renda; sua situação social e econômica (empregado, desempregado, patrão, rico ou pobre); e seu status civil (em liberdade, preso, em dia ou não com as Receitas).
30/12/2015
 às 14:55 \ Opinião

José Nêumanne: O enterro dos ossos

Publicado no Estadão
Espere mais um pouco. Este ano da (des)graça de 2015 não acabará amanhã nem talvez em mais 12 meses: ele tem tudo para se arrastar pelo menos até o réveillon de 2019, quando só então a esperança poderá ressurgir.
30/12/2015
 às 7:41 \ Opinião

“Sem risco de dar certo” e outras cinco notas de Carlos Brickmann

Como na esplêndida saga de Asterix, todo o futuro político do país está sujeito às investigações da Operação Lava Jato. Todo o futuro político do país? Não: um grupo formado por irredutíveis aliados da corrupção ainda resiste aos investigadores.» Clique para continuar lendo