Postagem em destaque

A Câmara Federal votou a favor da CORRUPÇÃO...nesta madurgada

quarta-feira, novembro 30, 2016 VERGONHOSO E INFAME: DEPUTADOS PROMOVEM UM GOLPE CONTRA A NAÇÃO BRASILEIRA. Clique sobre...

sexta-feira, 15 de abril de 2016

Dilma importa manifestantes bolivianos para bagunçar a festa da democracia em Brasília no domingo...

POLÍCIA INTERCEPTA FROTA DE ÔNIBUS DA BOLÍVIA TRAZENDO MANIFESTANTES COMUNISTAS PARA SE INCORPORAREM À AGITAÇÃO DO PT

Fotos da frota de ônibus boliviana, documentos com listagem de passageiros e itinerário e carteira de motorista de um dos condutores bolivianos. Clique sobre as imagens para vê-las ampliadas
Se os brasileiros pensam que já viram tudo estão enganados. O que irá acontecer nos próximos dias no Brasil haverá de corroborar muito do que venho revelando aqui no blog sobre a articulação do Foro de São Paulo. Aliás, é digno de nota que o jornalista e escritor Olavo de Carvalho bate há anos nessa tecla. Foi ele quem revelou a existência e finalidade do Foro de São Paulo, a organização comunista transnacional fundada em 1990 em São Paulo, tendo a frente Lula e seus sequazes e os esbirros de Fidel Castro. 
Nesse momento de convulsão política, que também era previsível, a grande mídia jamais faz qualquer menção ao movimento comunista latino-americano dirigido pelo Foro de São Paulo. Agora se tem a presença de estrangeiros se intrometendo no processo político brasileiro, absurdo que tem de ser coibido imediatamente.
Por enquanto apenas O Antagonista, a coluna Radar do site de Veja, o site Diário do Poder e o blog do jornalista Políbio Braga noticiaram a ocorrência. 
A nota da coluna Radar, assinada por Vera Magalhães informa que a Polícia Militar de Goiás interceptou em Goiânia três ônibus vindos da Bolívia. A inteligência da PM acredita que os ônibus estavam levando manifestantes a Brasília para prestar apoio à presidente Dilma Rousseff no domingo.
Os ônibus se perderam na cidade. Abordados pela polícia, os motoristas disseram que levavam participantes para um congresso imobiliário. Exibiram, inclusive, um documento em que a viagem, sem o objetivo, é comunicada à Agência Nacional de Transporte Terrestre.
O policial que abordou a caravana informou o comando da PM que passageiros disseram que outros ônibus estariam indo para Brasília vindos de países como Venezuela e Paraguai para participar dos atos pró-Dilma.
A PM abriu investigação para averiguar o objetivo da viagem.
Ja o Diário do Poder, informa que passageiros bolivianos informaram que estão a caminho de Brasília frotas de ônibus da Argentina, Peru, Paraguai e Venezuela trazendo manifestantes para se incorporarem aos grupos do PT que já se instalam em Brasília tendo em vista a votação do impeachment da Dilma neste domingo, dia 17.