Postagem em destaque

A Câmara Federal votou a favor da CORRUPÇÃO...nesta madurgada

quarta-feira, novembro 30, 2016 VERGONHOSO E INFAME: DEPUTADOS PROMOVEM UM GOLPE CONTRA A NAÇÃO BRASILEIRA. Clique sobre...

domingo, 24 de julho de 2016

Vila Olímpica tem reclamações graves de delegações dos Jogos do Rio...

ESPORTE

Austrália desiste de entrar na Vila Olímpica

Fios expostos, vazamentos, vasos sanitários quebrados e pisos sujos são algumas das reclamações. Delegação australiana diz que Vila não oferece segurança, e atletas são hospedados em hotéis próximos.
O Comitê Olímpico Australiano (AOC, na sigla em inglês) informou neste domingo (24/07) que nenhum atleta vai entrar na Vila Olímpica devido a problemas de infraestrutura.
"Por causa de uma variedade de problemas na Vila, incluindo gás, eletricidade e encanamento, decidi que nenhum membro do time australiano vai entrar no nosso prédio", escreveu em comunicado o chefe da Missão Australiana, Kitty Chiller, acrescentando que ainda vai reavaliar a decisão.
Segundo Kitty, os problemas incluem vasos sanitários quebrados, vazamento em tubulações, fios expostos, escadas escuras sem nenhuma instalação de luz e "pisos sujos que precisam de uma limpeza massiva".
"Em áreas de operação, a água pinga do teto resultando em grandes poças em volta de cabos e fios", reclama.
Funcionários da delegação têm trabalhado por longas horas para resolver os problemas no prédio B23, destaca o comitê australiano. A Austrália deve trazer 401 atletas para esta edição da Olimpíada.
Problemas também com outras delegações
Os primeiros atletas australianos que chegaram ao Rio de Janeiro deveriam ter entrado na Vila Olímpica no dia 21 de julho, mas estão hospedados em hotéis próximos. Os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro começam em 5 de agosto.
"Não estamos sozinhos. Nossos amigos do Team GB [Comitês Olímpicos da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte], Nova Zelândia e outros estão passando pelos mesmos problemas em suas acomodações", diz o comunicado.
A delegação australiana fez um "teste de stress" neste sábado abrindo as torneiras e ligando chuveiros de vários apartamentos simultaneamente. "O sistema falhou. Água escorreu pela parede, havia um forte cheiro de gás em alguns apartamentos e teve um curto na fiação elétrica", descreve Kitty. "Há muito trabalho para ser feito na Vila Olímpica", conclui.
Além da Austrália, a seleção feminina de futebol da Suécia suspendeu a entrada na vila. As atletas estavam hospedadas em um hotel no Rio e entrariam na residência olímpica neste domingo, mas desistiram. As delegações de Estados Unidos, Itália e Holanda pagaram por conta própria funcionários para fazer obras em apartamentos da Vila.
Delegações de alguns países, incluindo o Brasil, já estão instaladas no local. Israel, Alemanha e Itália foram os primeiros a chegar.
KG/rtr/ots