segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Somos ricos e exagerados....

domingo, dezembro 25, 2016


AS ESCANDALOSAS MORDOMIAS DOS EX-PRESIDENTES DA REPÚBLICA INCLUEM DOIS AUTOMÓVEIS, FUNCIONÁRIOS E CARTÕES CORPORATIVOS.

Se não bastasse a corrupção e a roubalheira de dinheiro público que tem vindo à tona à medida em que a Operação Lava Jato avança nas investigações, uma lei de então presidente José Sarney, datada de 1986, garante uma mordomia vitalícia indecente a ex-presidentes.
Quem cumpriu um mandato no Planalto pode contar com dois carros e oito funcionários: dois motoristas, quatro servidores para a segurança pessoal e mais dois assessores. Todos são de livre nomeação e custeados pela Presidência da República.
Segundo levantamento do jornal O Globo, corresponde aos meses de setembro e outubro deste ano, Lula custou à Presidência R$ 6.916,74 com abastecimento de combustível. No mesmo período, Fernando Henrique gastou R$ 864,11, e Dilma despendeu R$ 594,50. Os ex-presidentes têm à disposição até dois veículos, que costumam ser da categoria sedan premium ou sedan grande. Segundo médias de gasolina por município da Agência Nacional do Petróleo (ANP) no período, e considerando-se um consumo médio de 7 km por litro de gasolina desse tipo de automóvel — estimativa conservadora —, Lula percorreu nesses dois meses 14.284 km. O tucano andou 1.780 km, enquanto a sucessora de Lula correu 1.074 km.S
Agora imaginem quanto custa esta mordomia a cada um dos ex-presidentes anualmente somando-se as despesas com salários, diárias, passagens aéreas e outras despesas correlatas de suas respectivas comitivas.
Ah! Ainda tem os famigerados “cartões corporativos”, cartões de crédito para gastos sem limite pela dinastia do Palácio do Planalto que também beneficia os ex-presidentes.

Isso é o que se sabe. Imaginem o que não se sabe?